Home Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda
Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda
 
Home > Raças > Yorkshire


História da Raça - Yorkshire Terrier

A origem ocorreu na Grã-Bretanha, porém o desenvolvimento desta raça escocesa encantadora começou muito tempo antes da data do primeiro registro oficial. Há relatos variados sobre suas origens e seu desenvolvimento tentou dar o mais preciso e amplo enfoque sobre sua história apoiando-nos em livros e publicações, entre os fãs da raça no REINO UNIDO. Por volta do século XI, os servos e os trabalhadores para manterem cachorros em quase toda a Inglaterra, deveriam seguir uma lei real, controlada pelos guardiões das florestas reais, obrigando todos os cachorros atravessarem um aro metálico de sete polegadas de diâmetro, para serem classificados como sendo pequeno o suficiente, pois esta classe servil e trabalhadora não tinha o direito à caça para a sua subsistência. No princípio os cachorros eram usados para caçar ratos e camundongos, embora eles realmente não tivessem a melhor adequação para este trabalho, pois os gatos eram muito mais eficientes nesta função. Não obstante, os cachorros eram úteis completando a dieta do dono pobre, pois caçavam um coelho ou outro pequeno animal ocasionalmente, apesar da proibição.

Antes de 1750, a maioria dos britânicos trabalhava na agricultura, mas com o advento da revolução industrial houve grandes mudanças na vida familiar e muitos operários deixaram até a longínqua Escócia para transferir-se ao Condado de York Shire, onde cresceram pequenas comunidades ao redor das minas de carvão, dos moinhos têxteis, e das indústrias de lã, levando junto consigo os seus cães.

Seus antepassados vieram da Escócia onde corre o rio Clyde, onde os cães mais utilizados para caça eram o Clydesdale Terrier e o Paisley Terrier, semelhantes ao Sky Terrier, com pêlo macio e a pelagem lembrando o atual York Shire, pesando de 5,5 a 7 kg. Mas o desenvolvimento adicional objetivando o York Shire Terrier atual ainda estava de um certo modo fora de questão, sendo ele muito diferente do York Shire Terrier do norte da antiga Inglaterra, muito maior que o Yorkie atual. Estes terriers foram cruzados inevitavelmente com outros tipos de terrier, provavelmente o Preto Inglês, o Toy Bronzeado, e o Skye Terrier. Acredita-se também que em alguma fase, o Terrier maltês foi cruzado com estas raças para ajudar na conformação de sua pelagem, composta por pelos longos. Isto pode ser bem provável, pois o tipo da pelagem do maltês se assemelha, em muito à dos Yorkies atuais, a não ser pela cor, é claro. Infelizmente, nenhum registro na forma de pedigrees, existe para confirmar estes cruzamentos (possivelmente por causa do baixo nível de alfabetização naqueles tempos).

Em 1874 os primeiros Yorkies foram registrados no livro do Kennel Clube Britânico. Eles foram chamados de " Terriers Escoceses de Cabelo Quebrado” ou " York Shire Terrier ", até que em 1886, o Kennel Clube Britânico reconheceu o York Shire Terrier como uma raça individual. O primeiro clube da raça York Shire Terrier foi formado em 1898. Durante estes primeiros anos, quem grandemente influenciou a raça foi a Senhora Edith Wyndham-Dawson, a secretária do Clube York Shire Terrier por algum tempo, e trabalhando desde então pela melhoria da raça. Depois, a Senhorita Palmer que era a empregada do canil da Senhora Edith, começou seu próprio canil de Yorkie sob o "prefixo de Winpal”. Quando a Senhora Edith retornou à Irlanda pelo começo de Primeira Guerra Mundial, a Senhorita Palmer foi trabalhar para a Sra. Crookshank do famoso prefixo Johnstounburn, um nome com uma longa lista de campeões, que atualmente estão aos cuidados de Daphne Hillman que era uma entusiasta deste prefixo, e ainda o usa junto com o seu próprio prefixo de Yorkfold. Muitas outras pessoas trabalharam muito duro nestes primeiros tempos para a melhoria desta raça. Deve-se muito a estes primeiros criadores, que se tornaram os fundadores de vários canis na América do Norte e em todo lugar.

O York Shire Terrier atual floresce por todo o mundo, e os primeiros criadores, que foram os instrumentos de formação deste diminuto Toy dog terrier atual, seguramente se surpreenderiam ao constatar o sucesso desta raça deliciosa. Em 1932 somente 300 Yorkies foram registrados no Kennel Clube Britânico, já em 1957 o número chegava a 2.313, e na década de 1970, os Yorkies já eram a raça mais popular na Inglaterra. Esta tendência continuou até a década de 1990 com um número de registros de 25.665 Yorkies. Porém, esta tendência começou a declinar atualmente, e em 1994 havia 12.343 inscrições, com o Yorkie sendo a 7ª raça mais popular.

O York Shire Terrier mais famoso dos tempos modernos no REINO UNIDO foi o CH Blairsville Royal Seal. Ele veio do CH Beechrise Surprise e sua dam CH Blairsville Most Royale. Sendo chamado de “Tosha” pelos seus admiradores (que tiveram muitos). Foi criado pelo seu proprietário o Sr. Brian Lister e sua esposa, Rita. Tosha definitivamente era um “King” entre os cachorros, e quem o viu circulando em uma pista, nunca o esqueceu. A sua presença podia ser sentida, até mesmo por um completo novato, e muitos dizem que só de pensar nele, traz um caroço à garganta. Durante sua carreira de exposições, Tosha ganhou 50 CCs, todos sob juízes diferentes. Ele foi Best in Show 12 vezes, e 16 vezes reserva de Best in Show. Ele levou 33 prêmios de Melhor de Grupo, e foi reserva de Best in Show em Cruft´s em 1978, assim como sua dam tinha sido antes dele. Tosha foi o Top Dog, de todas as raças, durante dois anos consecutivos. Ele se tornou o antepassado de muitos Campeões, e ainda se caracteriza como um diferencial nos pedigrees de muitos Yorkies atuais. Ironicamente, quando Royal Seal morreu, com a idade 15 anos, em 1988, ano no qual, o registro de maior número de CCs da raça foi quebrado pelo: Osman Sameja's CH Ozmilion Dedication Jamie que terminou sua carreira de exposições com 52 CCs embora fossem duplicados alguns destes resultados sob os mesmos juízes. Jamie também tem dois títulos de campeão de todas as raças, e seus prêmios no grupo o de Toy dogs, o ajudou a ganhar o título de Top Dog em 1987. O canil de Ozmilion é o Canil de York Shire Terrier que ocupa o topo de todos os tempos, e mantém o recorde de registros de maior número de Campeões produzidos.


Compre aqui o seu filhote
Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda



Empresa | Filhotes à venda | Entrega de Filhotes | Formas de Pagamento | Qualidade | Contato
Todos os direitos reservados
Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda Multidog Filhotes de Ces de Raa, Filhotes de Cachorro  venda